quinta-feira, 5 de março de 2009

Entre o Cinzento e Branco



Chssss… Ouves?

Aquelas promessas que se repetem
E que ainda não as satisfiz?
Larga-as!

Outro tempo estreou,
E sem me arruinar nas horas e nos dias,
Atentei ao silêncio que ainda dura em mim,
Olhando aquele rio por onde a vida se inunda.

O luar já banha este lado,
Onde me vou recordar
Que já não és senão como te sofro…

Porque é difícil ser o nada, quando já fui tudo,
Por isso, agora só quero um lugar em mim!
Ana Mateus

3 comentários:

Jo disse...

Já sabes o que acho deste texto *,)

É pequeno e aí está a sua grande força. Usa só as palavras necessárias e todas as palavras certas **)



Lindo! *,D

Jo disse...

Amo-te *

Vieira Calado disse...

Venho desejar-lhe

uma

BOA PÁSCOA

BJs